Nome: Soraia Silva

Idade: 30 anos

Apelido:

Cidade Natal: Santa Helena – MA

Profissão: Secretária

Hobbies: Arrancada

01. Como você entrou no mundo da velocidade?

Através de incentivos de amigos e familiares.

02. Com que idade e veiculo você começou a “brincar” no mundo Racing?

Com 24 anos, comecei a andar no carro de um amigo, era um voyage 2.0, que corria na antiga STD.

03. Nós sabemos que antes, o que predominava em São Luís e em outras cidades como a sua, eram os rachas de rua. Então nós do 200milhas, gostaríamos de saber se você teve alguma participação nessa época?

Sim foi dele que tudo começou, já cheguei a andar 320 km de Paragominas a Belém, pra participar de racha de rua na Júlio césar como, é conhecida em Belém.

04. Houve algum fato importante, ocorrido nessa época que possa dividir conosco?

Campeonato maranhense de arrancada 2008, vice-campeã. Campeonato de formula arrancada, 3 etapa 2007, categoria 1,6 ST, campeã. Maranhão super speed 2008, campeã. Campeonato maranhense 3 etapa 2008, campeã. 2ª Barcarena formula arrancada, campeã categoria desafio. 1ª etapa formula arrancada , vice- campeã. campeonato paraense de formula arrancada 2006, campeã, categoria STD 2,0 CC. 1ª copa paraense de arrancada, 25/11/12, categoria desafio aspirado, campeã.

05. Como foi o primeiro contato com a arrancada, e há quanto tempo atua na mesma?

Foi muito bom, começei ganhando as provas que participei e conquistei o publico, então isso me deu muito insentivos. á seis anos.

06. Em que categorias competiu?

1,6 Original, pará, no Maranhão aro a aro b, e agora disputando desafio 10,11.

07. Qual prova foi inesquecível, e qual você gostaria de apagar da memória?

Foi no campeonato maranhense quando eu disputava na categoria aro “A”, em 2008, nem uma, todas foram inesquecíveis.

08. Alguma vez você pensou em parar e abandonar tudo? Por quê?

Nunca, pois eu e meus filhos gostamos muito.

09. Você correu na Ilha Race, pela Copa Nordeste de Arrancada este ano. Conte-nos um pouco da sua experiência neste campeonato.

Foi uma experiência muito boa, Adquiri mais experiência em competir em uma pista de alto nível.

10. O que é uma mulher em uma pista de arrancada? descreva para nós.

Pressão a todo instante, na pista e fora dela, pois tenho que dar o melhor de mim com humildade.

11. Chegou a sofrer preconceito quanto a isso?

Sim, várias vezes, a maioria das vezes dos próprios pilotos, que competem comigo e que já me aconselharam a parar de correr, pois esse esporte não é para mulher.

12. O que a sua família acha disso tudo? Eles apoiaram no começo?

Sim, e a maioria incentiva principalmente os filhos.

13. Como você acha que a Arrancada pode atrair mais interesse do público e mídia?

Simplesmente organização e união, pois muitos acham que nós somos um monte de loucos fazendo racha, acho que é muito importante haver uma disputa entre 02 carros para atrair o publico.

14. Você tem algum ídolo no automobilismo nacional? e Internacional?

Meu ídolo é o Senna tento ser igual a ele, ganhar com humildade, também sou muito fã do Ken Block.

15. Só para encerrar o nosso papo. Você gostaria de deixar algum recado para os leitores do 200milhas?

Sim, gostaria que vocês continuassem sempre apoiando o esporte e divulgando, para que mais pessoas saiam das ruas e venham para a pista provar suas habilidades.